Estrelas do Axé

Asa de Águia

Integrantes: Durval Lélys (vocal/guitarra), Radi Santos Queiroz (bateria), Ricardo Ferraro "Rambo" (teclados), Ubajara Carvalho (percussão). Em 2014, houve um racha na banda e o nome Asa de Águia não está sendo utilizado.O vocalista Durval Lélys segue realizando suas apresentações em carreira solo. Surgimento: em 1987, mas antes os integrantes passeavam por outras bandas e estilos. O rock'n'roll era a batida que predominava entre os músicos, daí o diferencial de o Asa de Águia sempre misturar ritmos em suas canções.

Principais sucessos: 'Take it easy, qual é?', 'A gente pede festa', 'Com a'mor, 'Não tem lua', 'Oba, vou passear', 'Cocobambu', 'Dia dos Namorados', 'Pra lá de Bragadá', 'Xô, Satanás', 'A Dança da Tartaruga', 'Manivela', 'Dança do Vampiro'.

Blocos que puxou: Crocodilo, Internacionais, Eva, Me Abraça e Cocobambu

Momento marcante: Em 1988, o primeiro sucesso da banda, 'Bota pra ferver', inicialmente, foi rejeitada nas rádios, por ter uma pegada muito rock'n'roll. Mas, quando entrou na programação da extinta rádio Aratu, virou um hit. Nesse mesmo ano, o grupo realizava seus ensaios na casa de veraneio da família Lélis, no Jardim Armação, em Salvador (BA). Foram sete shows gratuitos, aos sábados, e os convites eram distribuídos na praia durante o dia. O projeto foi suspenso, pois a casa não suportava mais a quantidade de público. Mais de 100 pessoas ficavam na porta querendo entrar. Um dos momentos inesquecíveis dessa época foi a participação do grupo 14 Bis em um dos ensaios. O período da Mansão da Águia (hoje Groove Studio) foi o grande ponto de partida para a decolagem de sucesso do Asa. A partir dali, surgiram as propostas de shows, gravações, discos.

Galeria de Fotos